Fun Vídeos

Doom Eternal: vale a pena comprar?

Doom Eternal é o novo jogo da franquia de sucesso da id Software e Bethesda, colocando novamente o jogador no controle do Doom Slayer contra as hordas do inferno. O game promete ação e emoção do começo ao fim, mas será que realmente consegue entregar isso ou fica só na vontade? Nós aqui do The Shoppers contamos pra você se vale a pena comprar o game para o seu console ou PC.

Maior foco em história

Doom Eternal mostra uma grande diferença em relação ao jogo de 2016 que é deixar a sua trama em mais destaque. Doom tinha uma história interessante, mas que acabou sendo ignorada porque todos estavam ocupados com a ação frenética do game.

Doom Eternal
Divulgação/Bethesda

Eternal também traz ação no mesmo nível, mas o jogo pisa um pouco no freio para contar mais a origem da lenda do Doom Slayer e porque as hordas do inferno querem tanto derrotá-lo e invadir a Terra para dominá-la.

Essa mudança ajuda a criar um elo maior entre jogador e personagem, mas possivelmente fará com que algumas pessoas achem que tempo precioso que poderia estar sendo usado para arrebentar demônios está sendo desperdiçado.

Tiroteio e precisão

A ação de Doom Eternal consegue em vários momentos ser mais frenética da que foi vista no game anterior, criando uma experiência única para os fãs de jogos de tiro em primeira pessoa.

Por conta disso, é totalmente compreensível que os desenvolvedores quisessem colocar momentos que freassem a ação para que ela não se tornasse exaustiva.

Doom Eternal
Divulgação/Bethesda

Se no jogo de 2016, isso era feito com a exploração do cenário, em Doom Eternal isso foi expandido com um esquema mais vertical, de plataformas e saltos de precisão.

Infelizmente, esse é o maior ponto fraco do game, já que várias vezes esses momentos quebram completamente o ritmo dele e tornam tudo enfadonho. Felizmente, logo que essas sessões são superadas, a ação retorna mais louca do que nunca, compensando o momento de calmaria.

Belos gráficos e excelente trilha sonora

A engine gráfica de Doom Eternal é realmente impressionante, entregando cenários infernais e de uma Terra devastada com uma beleza inesperada desses tipos de visuais.

A melhor parte disso é que, mesmo apresentando detalhes por todos os lados, o desempenho não é prejudicado, algo que conta muito para um jogo de ação tão agitado quanto Eternal.

A trilha sonora novamente é de alta qualidade, misturando tons orquestrais com o mais puro heavy metal, embalando as chacinas que o Doom Slayer realiza contra as hordas infernais.

Divulgação/Betehsda

É quase impossível não sentir uma alta dose de adrenalina tomando conta de você quando um inimigo surge na tela e os acordes de guitarra com distorção vão ficando mais altos.

Vale ou não pena?

Ficou claro que Doom Eternal é um excelente jogo, superando em vários aspectos seu antecessor. Ele peca em alguns momentos pelo excesso, algo que pode ser mais sensível para alguns jogadores, mas ainda consegue entregar uma experiência que vale sim a pena investir, independente da plataforma que você preferir.

Doom Eternal está disponível para Xbox One, PlayStation 4, PC e deve ganhar uma versão para Nintendo Switch em breve.