Pop

Miley Cyrus e as mensagens ocultas de Mother's Daughter

Quem não perdia um episódio de Hannah Montana ou cantava The Climb enquanto assistia o filme da Disney Channel, não podia imaginar que a filha tímida de Billy Ray Cyrus se tornaria uma louca e uma feiticeira. Faltou uma palavrinha só na letra de Mother’s Daughter pra gente fazer a referência inteira, Miley!

Direitos: Miley Cyrus & BIllboard
Imagem: Billboard

EP “She Is Coming” de Miley Cyrus foi lançado em 31 de maio de 2019

A atriz, empresária, compositora e cantora norte-americana, Miley Cyrus, lançou recentemente um EP (extended play) chamado She Is Coming (em português “Ela está chegando”), em parceria com grandes nomes da mídia: Mark Ronson de Uptown Funk, RuPaul, Andrew Wyatt (produtor de Lady Gaga, Bruno Mars e várias outras celebridades), entre outros.

O EP conta com 6 faixas preenchidas de batidas pesadas e letras que expressam a indignação da cantora norte-americana, com as críticas da mídia referente à seu novo estilo:

Mother’s Daughter de Miley Cyrus tem fortes mensagens escondidas

Além de ter feito uma aparição estratégica em Black Mirror, para reviver seu nome nas redes sociais e trazer relevância para seus novos projetos, a cantora lançou no dia 2 de julho de 2019 um clipe mais intenso que o de Wrecking Ball, com uma letra mais agressiva que Can’t Be Tamed:

De forma clara e levemente psicodélica, o clipe fala sobre o empoderamento feminino, respeito pelas diversidades e defesa pelo direito das mulheres. Com várias frases e mensagens distribuídas ao longo do clipe, Miley Cyrus se denomina como louca, bruxa, cruel e desagradável, debochando das críticas da mídia.

Com a música Mother’s Daughter, a cantora mostra que aceita os termos com orgulho, mostrando que não se abala com as críticas e que no final do dia, ela já atingiu o sucesso e ainda tem muito para mostrar. No clipe, Miley colocou mensagens fortes entre cenas ousadas, mostrando que todas as mulheres merecem respeito e não devem se abalar com as críticas da sociedade ou com o machismo:

Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Virgindade é uma construção social"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"O pecado está em seus olhos"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Peitos duros/fortes"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Eles/Eles"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Não é um objeto"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Eu sou livre"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"O heroísmo da carne"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Garota Motim"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Feminista pra cacete"
Direitos: Miley Cyrus, YouTube e EP She Is Coming
"Meu corpo, minhas regras"

CURIOSIDADE: Mãe de Miley Cyrus em clipe de Mother’s Daughter

Sendo fiel ao nome da música, Mother’s Daughter, em português Filha da Mãe, Miley aparece ao lado de sua mãe, Tish Cyrus, que além de ter criado mais quatro filhos (Brandi, Trace e Noah), foi produtora do filme Última Música, lançado em 2010: