S.O.S.

Preciso colocar meu CPF para fazer compras internacionais?

Para os Shoppers que, assim como a gente, adoram fazer compras internacionais, temos uma aviso muito importante! A partir de 1º de janeiro de 2020, a Receita Federal do Brasil exigirá que todas as encomendas e remessas internacionais possuam identificação do CPF, CNPJ ou número do passaporte, em caso de estrangeiros, do destinatário. Apenas com essas informações o despacho aduaneiro poderá ser iniciado.

A encomenda que não estiver com os dados completos, poderá ser proibida de entrar no país e, como consequência, será devolvida ao país de origem ou mesmo destruída, caso o retorno não seja possível. Os dados (CPF, CNPJ ou número do passaporte para estrangeiros) deverão ser informados no momento da compra on-line para que sejam encaminhados junto à encomenda. Caso o usuário não informe no momento da compra ou mesmo o remetente não encaminhe o dado com a remessa, os Correios oferecem uma segunda opção, por meio do rastreamento ou do portal “Minhas Importações”. 

Faça seu cadastro em “Minhas Importações”

Para isso, basta realizar cadastro no Serviço dos Correios, informando o CPF em caso de pessoa física, CNPJ para pessoa jurídica, e número do passaporte para estrangeiros. Depois, é só definir um login e uma senha. Com o cadastro concluído, você só precisa pesquisar pela sua encomenda no Portal e fazer a vinculação das remessas no ambiente “Minhas Importações”. Depois de concluir esta etapa, as suas encomendas estarão prontas para serem apresentadas à fiscalização aduaneira!

Fácil, né? Então, fique de olho se as suas informações estão corretas e boas compras! ;)