Tech

ComputeX Taipei 2019: Grandes anúncios da Intel, Dell e AZIO

Imagem: Shutterstock

Uma das principais feiras de tecnologia do mundo, ComputeX Taipei 2019, aconteceu dos dias 28 de março à 1 de junho e contou com a presença de grandes marcas como Intel, AMD, Acer, NVIDIA, Dell, Asus, Gigabyte e outras. Desde 1981, o evento acontece todos os anos e serve como palco das mais novas tendências de tecnologia para o mundo e, sem dúvida, o ano de 2019 foi destaque no quesito marcas de grande porte.

A feira futurista ComputeX teve um início tímido

Imagem: Shutterstock
A feira de tecnologia ComputeX 2019 aconteceu em Taipei, dos dias 28 de março até 01 de junho.

Há quase 40 anos, a feira nascia como “Taipei Computer Show”, um espaço para que algumas companhias de pequeno e médio porte de Taiwan exibissem seus produtos de computação. Hoje a coisa é bem diferente, com a maior parte dos players globais de peso ocupando o enorme espaço em Taipei, Taiwan para mostrar as tendências de tecnologia para os próximos muitos anos.

A relação dos primeiros anúncios da ComputeX 2019 não deixa dúvida: Há teclados e computadores que parecem ter saído diretamente da mente fértil de algum escritor de ficção científica! Enquanto isso, sob o capô, pesos-pesados como AMD e Intel ganham espaço com processadores cada vez mais rápidos e enxutos. No frigir dos ovos, prezado Shopper, quem ganha com essa “pancadaria” saudável somos todos nós!

Selecionamos os principais lançamentos da ComputeX 2019, que vão guiar a tecnologia mundial pelos próximos anos. Particularmente, nós ficamos imaginando se alguém realmente precisaria de duas telas em um notebook… Bem, porque não? Sem mais, vamos ao que interessa!

Ultrabook gamer da Intel: Notebook com duas telas?!

Intitulado Honeycomb Glacier, o form factor apresentado pela Intel, inclui uma tela primária com 15,6 polegadas em resolução full HD. Logo abaixo desta, está uma prática telinha assistente de 12,3 polegadas, logo acima do teclado.

Convém fazer justiça aqui: a Intel realmente não foi a primeira a apresentar um notebook com uma tela auxiliar (companion screen). Entretanto, o conceito levado pela empresa para a ComputeX 2019 parece ser capaz de melhorar consideravelmente os moldes apresentados pela ASUS no seu ZenBook Pro Duo (também presente no evento).

Os displays e o teclado são articulados por dobradiças, de tal forma que abrir e fechar o Honeycomb Glacier é tão simples quanto seria em um laptop convencional: basta abrir a tela principal e levantar a auxiliar até ficar numa posição confortável aos olhos.

Com o Honeycomb Glacier, você pode tocar adiante um projeto enquanto se comunica com a equipe, ou jogar League of Legends enquanto manda memes via Slack… e por aí vai.

Ao contrário do que se acredita, não são apenas os gamers inveterados que devem tirar vantagem do conceito da Intel. Na verdade, o Honeycomb tem na mira também criadores de conteúdo, editores de vídeo – basicamente, qualquer um que precise de uma tela adicional para facilitar o trabalho. Embora seja apenas um protótipo, o Honeycomb Glacier foi apresentado com configurações parrudas:

  1. Duas telas da Intel trazia um Core i9
  2. Placa de vídeo NVIDIA GTX 1070 (o provavelmente deve mudar em um eventual lançamento)
  3. Ventoinhas e coolers espalhados pelo aparelho e também sobre a base posicionada atrás das telas.

Enfim, o Honeycomb parece uma adição natural à premissa de “atender as necessidades do usuário moderno”, sintetizada no chamado Project Athena.

Um livro? Uma HQ? Um notebook?

Talvez a Intel tenha tentado reinventar a roda (ou várias rodas) no ano passado, mas, em 2019, a meta da companhia parece ser um tanto distinta: maturar as “doideiras” disruptivas previamente introduzidas. Além do novo notebook com duas telas (acima), a Intel também levou para os stands da ComputeX 2019, um modelo com duas telas articuladas – e uma infinidade de funcionalidades interessantes em potencial:

Convenientemente batizado de Twin River, esse “dualbook” pode cair como uma luva para quem precisa assistir a vídeos e tomar notas, por exemplo; basta colocar o conteúdo na tela superior e rabiscar no display de baixo. Também é possível usar o Twin River exatamente como um livro ou uma história em quadrinhos – com as páginas exibidas verticalmente nas telas.

Reprodução: Canal Engadget
Uma das telas do Twin River pode facilmente se tornar um teclado, para usuários adeptos do estilo clássico.

Caso você precisa simplesmente do bom e velho formato laptop, sem problemas: uma das telas pode virar facilmente um teclado padrão da Intel. O teclado físico faz falta? Sem problemas também: basta posicionar um teclado wireless sobre uma das telas – e é possível até mesmo fechar o Twin River com o teclado, caso seja um modelo particularmente fino.

Fica só uma dúvida: como a Intel vai alimentar duas telas sem prejuízo da autonomia do usuário? Talvez o melhor seja esperar pela versão de mercado do Twin River.

ComputeX 2019 recebe o 2-em-1 XPS 13 da Dell

Reprodução: Dell
Atendendo a pedidos de usuários, a Dell também reposicionou a câmera do XPS 13 – que volta ao topo da tela. Ademais, a emrpesa garante tanto poder de fogo quanto a durabilidade do novo modelo.

Sem muito segredo aqui: trata-se da Dell dando continuidade a um modelo relativamente recente e bastante popular. O XPS 13 apresenta diversas melhorias, tanto de conceito quanto de configurações.

O upgrade mais óbvio só poderia ser, é claro, a convertibilidade. Para quem ainda não conhece o formato 2-em-1, trata-se da possibilidade de utilizar o notebook de forma convencional ou como um tablet. Isso porque a tela pode ser totalmente girada, posicionando-se atrás do teclado; aí é só usar a tela sensível ao toque, exatamente como você faria com um tablet.

Teclado Chassepot C1000

As teclas de seta do Chassepot C100 foram reposicionadas no lado esquerdo do periférico, a fim de facilitar a vida dos canhotos.

Se o layout dos teclados convencionais nunca te agradou totalmente, então talvez você deva dar uma olhada nessa novidade levada pela Chassepot para a edição 2019 da ComputeX. O modelo C1000 reposiciona o teclado numérico, que passa a ocupar a parte superior do gadget, logo acima do QWERTY.

Além do teclado numérico, a parte superior do Chassepot C1000 inclui diversos atalhos de mídia; é possível abrir diretamente vários aplicativos, acessar o menu raiz do computador, abrir a calculadora ou gerenciar o sistema de arquivos.

Teclado AZIO inspirado em câmeras vintage

Sim, a ComputeX 2019 também tem bastante espaço para quem preza tanto pela tecnologia quanto pelo estilo do novo periférico. Prova disso é o simpático teclado Iris. O modelo levado pela Asio para a ComputeX tem todo o visual de uma câmera fotográfica vintage; coisas que provavelmente só Shoppers com cabelos brancos (ou poucos cabelos) devem se lembrar – tal como a boa e velha Leica, ou a Fujica.

Mas o “vintage” aí fica só no visual mesmo. O Iris pode ser conectado ao computador via USB ou por conexão wireless Bluetooth. Na parte superior, o seletor clássico de câmeras antigas serve aqui para selecionar o modo de operação do teclado. Elegante, sem dúvida!

Os lançamentos anunciados na ComputeX 2019 aconteceram entre os dias 28 de março e 1 de junho, com a presença de grandes marcas da tecnologia mundial.