Tech Vídeos

Earbuds: qual é a graça dos fones de ouvido totalmente sem fio?

A ideia de um fone de ouvido completamente sem fio sempre foi muito interessante, mas as empresas sempre focaram muito mais na criação de headphones, ou supra-auriculares. Recentemente, fones auriculares totalmente sem fios, comumente chamados por earbuds, surgiram no mercado, mas como exatamente eles funcionam e quais são as suas verdadeiras vantagens? Reunimos essas informações logo a seguir para você.

Normalmente, os fones auriculares, ou earbuds, costumam ser mais baratos, leves e portáteis. Com o tempo, a ideia de lançar versões sem fio, com conexão Bluetooth, parecia interessante, mas as empresas ainda investiam em versões que ainda traziam algum tipo de fio, conectando os dois lados a um receptor.

Diferentes modelos de fones de ouvido earbuds
Reprodução/The Verge

Esses modelos se popularizaram com facilidade, com modelos de empresas como Sony e JBL dominando o mercado, apresentando som de boa qualidade, mas parte do público ainda desejava um fone de ouvido totalmente sem fio.

Apple e seus AirPods mudaram o mercado

Em 2016, a Apple revelou um novo modelo de fone de ouvido que seria comercializado junto com o iPhone 7, chamado AirPods. Esses fones chamaram a atenção por serem totalmente sem fios, podendo se conectar automaticamente a um smartphone a partir do momento em que deixavam sua case, que também servia como fonte de bateria.

Airpods Earbuds
Divulgação/Apple

Inicialmente, todos acharam o modelo estranho, principalmente pelo fato de basicamente ser dois fones que poderiam ser facilmente perdidos pelos usuários. Não demorou muito para os AirPods chegarem ao mercado, em setembro do mesmo ano, e ganharem milhares de fãs ao redor do mundo.

Como é comum com produtos criados pela Apple, o preço alto dos AirPods acabou criando um espaço no mercado para outras empresas lançarem fones de ouvido sem fio no mesmo estilo, mas com preços bem mais competitivos. Modelos como os Airdots, criados pela Xiaomi, são um bom exemplo da ideia, que acabou se popularizando e caindo no gosto do público.

As vantagens dos earbuds sem fio

A maior vantagem dos fones completamente wireless certamente é a sua fácil portabilidade, já que podem ser carregados por aí com suas cases, que servem como bateria extra para eles. Essas cases trazem bem mais poder de armazenamento de carga, possibilitando que você tenha várias horas de reprodução de áudio, sem precisar encontrar um local para carregar seus fones.

Inclusive, alguns modelos trazem baterias reforçadas que podem ser usadas até mesmo para recarregar outros aparelhos, como smartphones e tablets.

Earbuds Redmi Airdots
Divulgação/Redmi

A alta compatibilidade desses fones também é algo que atrai vários consumidores. Por funcionarem com tecnologia de conexão Bluetooth, esses fones são compatíveis com basicamente qualquer smartphone e tablets disponíveis no mercado. Alguns modelos contam com conectividade Bluetooth 5.0, o que garante mais estabilidade e qualidade de som, devido à alta taxa de dados capaz de receber dos aparelhos.

Além disso, por conta dessa conectividade, esses fones de ouvido são capazes de realizar algumas ações extras, como atender chamadas telefônicas, com alguns contando até com microfones embutidos, eliminando a necessidade de tirar o telefone do bolso.

Alguns desses fones podem operar também com a ajuda de assistentes virtuais, como o Assistente do Google e Alexa, da Amazon, possibilitando fazer buscas e receber as respostas diretamente no seu ouvido.

As desvantagens acabam sendo ligadas à sua vantagem, que é o design desses earbuds. Por serem consideravelmente pequenos, são mais fáceis de se perderem, algo que pode ser evitado ao guardá-los em sua case sempre que não estiverem em uso.

Divulgação/Samsung

Outra desvantagem, dependendo do modelo, é o seu preço e qualidade de som. Muitos fones disponíveis no mercado são vendidos por preço muito altos, como é o caso dos já citados AirPods, apesar de eles trazerem boa qualidade na reprodução de áudio, além de alta capacidade de bateria.

O problema começa quando os fones são muito baratos e, por conta disso, fabricados com componentes de baixa qualidade. Apesar de muitos apresentarem um design atraente, todo o resto fica bem abaixo do esperado, entregando uma experiência ruim aos seus usuários.

A melhor solução para esses problemas é, definitivamente, acompanhar reviews de sites especializados ou, durante a compra online, verificar os comentários, presentes em boa parte dos sites de e-commerce, de consumidores que já compraram os fones e podem entregar uma opinião direta sobre o produto. Nesses casos, é sempre bom evitar se deixar levar apenas pelo design dos fones.

Levando em consideração esses pontos, fica mais fácil escolher um fone de boa qualidade, com preço justo e que ainda seja altamente portátil e estiloso.