Tablets: Os melhores modelos Android e Windows 10, para adultos e crianças!

É só ir na loja de eletrônicos da sua preferência: provavelmente, você vai encontrar várias opções de smartphones, mas pouquíssimos modelos de tablets. Isso se você encontrar alguns. Mas os tablets não estão mortos, não. Lojas online como AliExpress, Banggood, GearBest, Tomtop e LightInTheBox oferecem vários deles.

Marcas chinesas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi lançam cada vez mais tablets com Android e Windows 10 a preços amigáveis. Saiba mais aqui.

Tablet Xiaomi

É só ir na loja de eletrônicos da sua preferência: provavelmente, você vai encontrar várias opções de smartphones, mas pouquíssimos modelos de tablets. Isso se você encontrar alguns. Mas os tablets não estão mortos, não. Lojas online como AliExpress, Banggood, GearBest, Tomtop e LightInTheBox oferecem vários deles.

O interesse por tablets diminuiu um pouco depois do surgimento dos celulares com telas grandes. Mas tablets ainda são úteis para estudar, assistir a filmes durante viagens, botar a leitura em dia ou entreter as crianças, por exemplo. Ainda bem que muitos fabricantes chineses continuam lançando esses dispositivos. Vamos conferir alguns modelos bem legais?

Tablets Android

Tablet chinês é bom? Essa é uma pergunta frequente. Saiba desde já que modelos chineses costumam ser bons, sim. A maioria roda Android e alguns até conseguem oferecer recursos próximos aos que existem na linha iPad, da Apple.

Um exemplo muito interessante é o Huawei Honor WaterPlay. Ele traz tela IPS de 10,1 polegadas, processador octa-core Kirin 659 (fabricado pela própria Huawei), 4 GB de memória RAM, 64 GB de espaço interno para dados, câmera de 8 megapixels tanto na frente quanto na traseira, além de bateria de 6.600 mAh. O melhor de tudo: ele custa por volta de US$ 350.

Marcas chinesas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi lançam cada vez mais tablets com Android e Windows 10 a preços amigáveis. Saiba mais aqui.

Huawei Honor WaterPlay: além de tudo, ele tem resistência à água.

Talvez você queira algo mais barato e compacto, que seja fácil de levar na bolsa ou mochila, por exemplo. Tem também. É o caso do Xiaomi Mi Pad 4, que vem com tela full HD de 8 polegadas, o excelente processador Snapdragon 660, 3 GB de memória RAM, 32 GB para armazenamento de dados, câmera frontal de 5 megapixels e câmera traseira de 8 megapixels.

Marcas chinesas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi lançam cada vez mais tablets com Android e Windows 10 a preços amigáveis. Saiba mais aqui.

O Mi Pad 4 atualmente está em pré-venda.

Existe também uma versão do Mi Pad 4 com 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento. Ainda há tablets Android de marcas como Lenovo, Alldocube e Teclast, olha só:

Tablets com Windows 10

Se você tem um computador com Windows 10, talvez já tenha visto na barra de notificações (acesse-a a partir do ícone que fica no canto direito inferior) uma opção chamada Modo Tablet. Ela não está ali por enfeite: o Windows 10 é totalmente compatível com tablets.

Quando esse modo é ativado, o Windows modifica a sua interface para permitir que você realize tarefas dando toques na tela em vez de usar mouse e teclado. Isso é bom por vários motivos. O principal é que você pode usar softwares do Windows que não existem no Android ou iOS (alguns até existem, mas são mais limitados nessas plataformas).

O problema é que não é muito fácil encontrar tablets com Windows. Mas eles estão aí! Duas marcas chinesas que se destacam nesse segmento são a Chuwi e a Jumper. Não é por menos: a Chuwi é especializada em tablets e notebooks fininhos; já a Jumper é uma marca que faz notebooks bons e baratos, inclusive em versão 2 em 1 (você já vai saber o que é isso).

Marcas chinesas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi lançam cada vez mais tablets com Android e Windows 10 a preços amigáveis. Saiba mais aqui.

O lindão do SurBook Mini CWI540, da Chuwi

Um exemplo? O Chuwi SurBook Mini CWI540. Esse é um tablet com Windows 10 Home, tela de 10,8 polegadas, processador quad-core Intel Celeron N3450, 4 GB de memória RAM, 64 GB de espaço interno para dados e bateria de 8.000 mAh.

Um detalhe interessante do SurBook Mini CWI540 é o suporte na traseira que permite que você o deixe inclinado em diferentes níveis. Você ainda pode adquirir uma capa protetora que traz teclado embutido.

Vamos a outro exemplo: o Jumper EZpad 6. Trata-se de um modelo 2 em 1, ou seja, que pode ser tablet ou notebook. É simples: desacople o teclado e ele vira um tablet; encaixe o teclado novamente e ele vira notebook. Legal, né?

Marcas chinesas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi lançam cada vez mais tablets com Android e Windows 10 a preços amigáveis. Saiba mais aqui.

O teclado pode ser removido para transformar o EZpad 6 em tablet

O Jumper EZpad 6 traz uma configuração que é suficiente para as tarefas mais comuns do dia a dia, como editar textos, assistir a vídeos e navegar na web: tela full HD de 11,6 polegadas, processador Intel Atom X5-Z8350, 4 GB de RAM e 64 GB de espaço interno para dados, além do Windows 10, é claro.

Tablets para crianças

Se usados com moderação e supervisão de um adulto, tablets podem ser ótimos para entretenimento e até educação das crianças. Mas é recomendável recorrer a tablets próprios para os pequenos: esses modelos costumam trazer aplicativos e jogos específicos para o público infantil.

Marcas chinesas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi lançam cada vez mais tablets com Android e Windows 10 a preços amigáveis. Saiba mais aqui.

Tablet infantil da Aoson

Tablets para crianças também costumam oferecer tela menos propícia a danos causados por quedas, além de moldura / capa em borracha ou plástico que ajuda a proteger o dispositivo. A preocupação aqui vai muito além do prejuízo financeiro: se um tablet quebrar, a criança pode acabar sendo atingida por uma peça ou fragmento, daí a importância de diminuir os riscos.

A boa notícia é que há várias opções para esse público, todas com preços muito convidativos. Eis algumas sugestões:

Vida longa ao tablet

Os tablets são muito versáteis. Você pode usá-los como notebooks conectando um teclado Bluetooth, fazer anotações à mão na tela com uma caneta especial (stylus), ler livros digitais, visualizar fotos com mais conforto visual e por aí vai.

As poucas opções disponíveis no Brasil fazem parecer que os tablets vão ficar no passado, mas, como dá para perceber, não é verdade. Felizmente, vários fabricantes chineses continuam levando esse mercado bastante a sério.

Para ficar sabendo dos lançamentos de marcas como Xiaomi, Huawei, Jumper e Chuwi, é só continuar acompanhando o The Shoppers ;-)

Você Também Vai Gostar

Ver outras categorias

3

Siga o The Shoppers no Instagram

Acompanhe dicas, reviews e unboxings de produtos comprados em sites internacionais.